• fernandaogeda

Como os adultos aprendem? Conheça a Andragogia


Você que é líder ensina adultos o tempo todo, não é verdade? Por isso, é importante entender quais são as diferenças entre a pedagogia e a andragogia.


“Andragogia é uma ciência da educação onde aprende-se sobre os adultos e a utiliza-se os melhores métodos para ensiná-los. São ‘novos’ caminhos e estratégias de aprendizagem, que podem ser aplicados tanto no mundo empresarial, quanto no acadêmico” fonte Andragogia Brasil


O termo Andragogia surgiu em 1833 pela primeira vez através do professor alemão Alexander Kapp,conhecido como “criador da Andragogia”, mas foi na década de 70 que Malcolm Shepherd Knowles popularizou o conceito e ficou conhecido como “pai da Andragogia”. Em seu livro 'A prática moderna de Educação de Adultos: Pedagogia vs Andragogia' (1970), ele introduziu seu modelo andragógico, onde estabeleceu princípios fundamentais desta ciência. Desde então, sua principal aplicação é nas áreas de desenvolvimento de treinamentos e conteúdo executivo empresarial, além, é claro, das instituições de ensino com foco em ensino superior e/ou focado em adultos.

Enquanto as crianças possuem pouca experiência de vida e conhecimento limitado (acabam tendo que ouvir para aprender — receptores), os adultos aprendem mais compartilhando, sendo tanto receptores quanto emissores.

A Andragogia utiliza a Comunicação Bilateral, que se estabelece quando o emissor e o receptor alternam seus papéis. É o que acontece durante uma conversa, um bate-papo, em que há intercâmbio de mensagens.

É importante salientar que a comunicação bilateral favorece muito mais do que o aprendizado adulto, como também uma ampla troca de informações, ideias, conhecimento, coincidindo também com a criação de canais de comunicação como as redes sociais, blogs e demais ferramentas que permitem interatividade.

Pilares da Andragogia — e sua respectiva aplicação na comunicação social. 1. Necessidade — Aplicabilidade Nossas escolhas de aprendizagem são direcionadas por necessidades que temos de conhecimento. Os adultos precisam enxergar a necessidade de aprendizagem e consumo daquele conteúdo, que deve fazer sentido. E o que faz sentido? Aquilo que é útil em seu dia a dia, que irá contribuir com seu desenvolvimento pessoal e profissional, que poderá lhe ajudar a trazer resultados maiores e melhores ou produtos e serviços que irão facilitar sua vida. O que meu público tem necessidade de saber? Por que optaram por seguir a página ou canal da empresa? Que tipo de valor ele espera levar para a vida dele? Que palestra ou conteúdo posso levar para aquele evento? Quais editorias e temas mais engajam meu público?

2. Autonomia — Autodiretividade Adultos são autodirigidos, ou seja, possuem iniciativa e tomam suas próprias decisões. Além da necessidade de encontrarem um sentido no que estão aprendendo, precisam ter a percepção de que estão sendo coautores em seu processo de aprendizagem. Sempre devemos buscar soluções, metodologias e recursos que possibilitem a análise, reflexão e a construção do conhecimento, estimulando o protagonismo dos participantes. Fóruns, chats, simulações, cases, estudos dirigidos, discussões em grupo, jogos com tomada de decisão. Esta pode ser um insight valioso, pensando por exemplo na participação dos colaboradores durante a construção de uma mudança.


3. Experiências anteriores Os adultos gostam de compartilhar suas experiências e conhecimentos acumulados. Os relatos podem servir como base para a construção de novos conhecimentos. Os adultos, ao longo de sua jornada, passam por diferentes experiências pessoais e profissionais. Esse fator pode ser um grande impulsionador para a aprendizagem, considerando os diferentes conhecimentos prévios, métodos próprios de aprender, necessidades e interesses individuais. As experiências anteriores influenciam o percurso de aprendizagem e interpretação do conteúdo em função de preconceitos, estereótipos e pressupostos, que são criados a partir das diferentes interações que fazemos com o meio em que vivemos. Este fato, alinhado as imensas possibilidades e dados que o mundo digital tem trazido para as empresas gerou inúmeras atividades cada vez mais valorizadas pelas empresas e negócios como um impulsionador e ferramenta de eficiência. 4. Razões práticas para aprender Os adultos têm predisposição de aprender as coisas para enfrentar as situações da vida real, direcionadas para aquilo que ele entende como necessidade - para resolver situações reais em sua vida. Aprender significa adquirir conhecimentos, habilidades e atitudes. Geralmente, quando surge a necessidade pela informação ou habilidade, apelamos ao famoso Google para buscar este conhecimento. Interessante que muitas vezes, ao avaliar resultados de comunicação, conseguimos identificar comportamentos diferentes de acordo com cada tema e entender o que é de fato mais útil para aqueles que acompanham sua apresentação.

Perceba como este pilar (utilidade e praticidade) está muito relacionado ao de experiências anteriores, que gera identificação.

5. Orientação para aprendizagem A aprendizagem de adultos deve ser contextualizada. Por esse motivo, toda solução de aprendizagem precisa estar inserida em um contexto real, que possibilite ao indivíduo uma experiência significativa e lhe traga desenvolvimento benefícios claros para o dia a dia. Esse último ponto é importantíssimo, e trata-se exatamente de como promovemos e divulgamos o conteudo.

6. Motivação Adultos são motivados mais por fatores internos que externos. Desenvolvimento profissional, satisfação pessoal e autorealização. Segundo a Andragogia, os resultados das comunicações dependerão fundamentalmente da capacidade da empresa/emissor principal em conseguir desenhar experiências de aprendizagem engajadoras e estimulantes, satisfazendo o desejo daquele público.


A Andragogia é uma ciência cada vez mais estudada e que, certamente, traz interessantes insights sob diversas perspectivas, sejam elas pessoais, profissionais ou acadêmicas.


Até o próximo artigo!



48 visualizações

OGEDA Assessoria em Recursos Humanos 

Todos os Direitos Reservados - fev/2016

  • Facebook - círculo cinza
  • LinkedIn - círculo cinza
  • YouTube - círculo cinza
  • Instagram - Cinza Círculo

Dados para contato

fernanda@ogeda.com.br

(11) 9.6424.6604

Nossas redes sociais